POLÍTICA DE PRIVACIDADE

A Quinta da Meia Eira, através de Francisco Ribeiro ENI, tem como compromisso a satisfação dos seus clientes, por isso aposta em sistemas de certificação e adopta todas as medidas que visam a redução dos eventuais impactos negativos da atividade turística no meio onde estes se inserem. 

A Quinta da Meia Eira, através de Francisco Ribeiro ENI, está igualmente empenhada em proteger a privacidade e os dados pessoais de todos os indivíduos e empresas com quem se relaciona, nomeadamente clientes, fornecedores e colaboradores.

Nesse sentido e em cumprimento do disposto no Regulamento (UE) 2016/679 do Parlamento Europeu e do Conselho, de 27-04-2016, também conhecido como Regulamento Geral de Proteção de Dados Pessoais (RGPD) e demais legislação aplicável, A Quinta da Meia Eira, através de Francisco Ribeiro ENI, estabeleceu a presente Política de Privacidade.

A Quinta da Meia Eira, através de Francisco Ribeiro ENI, dedica-se à atividade hoteleira e turística e, no âmbito dessa atividade, procede ao tratamento de dados pessoais.

A presente Política de Privacidade aplica-se exclusivamente aos dados pessoais relativamente aos quais a Quinta da Meia Eira é responsável pelo respetivo tratamento no âmbito da sua área de atividade, seja na área comercial, seja na área de recursos humanos.

Os dados podem ser recolhidos através de via pessoal, telefónica, por escrito, por e-mail, ou através de websites.

No presente website poderão estar incluídos links de acesso a outros websites que são alheios à Quinta da Meia Eira.

Os links de acesso ao presente website poderão estar incluídos em websites alheios à Quinta da Meia Eira. A Quinta da Meia Eira não pode ser responsabilizada pelo tratamento de dados efectuados através de tais websites alheios.

Os dados pessoais tratados pela Quinta da Meia Eira, através de Francisco Ribeiro ENI, têm diversas finalidades e fundamentos:


- Gestão da relação contratual: O tratamento de dados pessoais de identificação e outros é necessário para a celebração e para o cumprimento do contrato de prestações de serviços celebrado entre a Quinta da Meia Eira e os seus clientes. Os clientes podem optar por fornecer informações adicionais (ex: alergias, restrições alimentares, doenças e problemas de mobilidade), as quais serão apenas usadas para ajudar a Quinta da Meia Eira a prestar o melhor serviço possível. O tratamento de dados pessoais também é necessário ao cumprimento de contratos de prestação de serviços e bens entre Quinta da Meia Eira e os seus fornecedores.


- Obrigações legais: A Quinta da Meia Eira está sujeita ao cumprimento de obrigações legais que impõem o tratamento de dados.


- Qualidade: A Quinta da Meia Eira pode analisar a informação dos seus clientes, recolhida através de inquéritos, reclamações e por outras vias, para fins estatísticos caso tenha o respetivo consentimento.


- Gestão de recursos humanos: Para a execução do contrato de trabalho, os colaboradores devem ceder dados pessoais à Quinta da Meia Eira. Caso se mostre necessário, serão solicitados consentimentos específicos para o tratamento de dados que assim o exijam (por exemplo para categorias de dados especiais e sensíveis).

 

 

Nos termos do RGPD, os titulares dos dados têm, entre outros, os seguintes direitos:
- Direito de acesso;
- Direito de retificação;
- Direito ao esquecimento;
- Direito à limitação do tratamento;
- Direito de portabilidade dos dados;
- Direito de oposição;
- Direito de revogação de consentimentos.


Caso pretenda exercer algum dos seus direitos ou esclarecer alguma dúvida, o titular deve contactar a Mês Quinta da Meia Eira, por escrito, dirigido a “Responsável pela Privacidade”, para a morada da sede ou e-mail info@meiaeira.com.

 A Quinta da Meia Eira, através de Francisco Ribeiro ENI, propõe-se a:
- Recolher apenas dados com finalidades determinadas, explícitas e legítimas;
- Minimizar a recolha de dados, promovendo apenas a recolha adequada pertinente e limitada ao que é efetivamente necessário relativamente às finalidades os dados adequados e pertinentes;
- Não utilizar os dados recolhidos para fins distintos ao da recolha e dos consentimentos obtidos;
- Actualizar os dados sempre que necessário;
- Conservar os dados de forma a que a sua identificação só é possível durante o período necessário para as finalidades para as quais foram recolhidos;
- Proteger os dados contra o seu tratamento não autorizado ou ilícito e contra a sua perda, destruição ou danificação acidental;
- implementar os princípios de privacy by design e by default nas atividades / processos de tratamento de dados pessoais;
- adotar uma framework de referência de privacy by design;
- garantir o cumprimento do RGPD.

 

Redigido na Quinta da Meia Eira em Novembro de 2019.
Esta política será atualizada periodicamente